domingo, 29 de março de 2015

Dica de livros: “DE PUNHOS CERRADOS” livro de Pedro Bandeira

A narrativa “De Punhos Cerrados” se passa em meio ao calor abrasador do cerrado goiano, um livro de Pedro Bandeira do Gênero Literatura Infanto-Juvenil, uma estória que descreve a vida como ser carrasco, que precisar ser enfrentada.

De um dia para outro, o jovem Eduardo se vê órfão, e se ver obrigado a morar com sua avó que jamais conheceram antes. Assim é obrigado a deixar a cidade grande e passar a viver no Encantado, local onde as relações humanas estão prestes a pegar fogo, cercado de cavalos xucros, do pó vermelho do cerrado e da violência da vida controlada pela abelha-rainha daquela colmeia infernal, como ele próprio descreve sua avó Nhá Nana. Uma mulher dura, uma tirana, para quem a vida dos outros nada valia, comparada às necessidades da fazenda. De punhos cerrados, Eduardo tem de sobrepor-se à violência dessa nova vida, tem de domar o demônio de pêlo negro, o cavalo Asa Negra, mas, sobretudo, impedir que a violência de Nhá Nana o domine... Na sua luta, ele não está sozinho - há a dedicação de um velho vaqueiro, o velho das gargalhadas, o velho que paira em sua volta como um anjo da guarda e... e há o amor de Ritinha, a garota que tem a pureza daquela terra, o sorriso ingênuo daquela região cheia de sol, e o cheiro agreste das flores do cerrado brasileiro.

Um livro, que mostra a dura realidade ainda existente no interior do país, onde os homens do campo viver sobre rédeas de “coronéis velados”. O livro ainda mostra aos jovens leitores, que a vida não é fácil, e as desventuras delas pode os guiar para seres cruéis e vazios, que de punhos cerrados, sua vida não melhorará.  

Conhecendo um pouco sobre o autor:

Pedro Bandeira (1942) é escritor brasileiro de livros infanto-juvenis. Destacou-se com a obra "A Droga da Obediência". Recebeu, entre outros, o Prêmio Jabuti, da Câmara Brasileira do Livro em 1986, e a Medalha de Honra ao Mérito Braz Cubas, da cidade de Santos, em maio de 2012. Pedro Bandeira (1942) nasceu em Santos, São Paulo, em 9 de março de 1942. Estudou o curso primário no Grupo Escolar Visconde de São Leopoldo. O ginásio e o curso científico no Instituto de Educação Canadá. Dedicou-se ao teatro amador, até mudar para a capital, onde estudou Ciências Sociais na Universidade de São Paulo (USP). Casou-se com Lia, com quem teve três filhos: Rodrigo, Marcelo e Maurício. Ensinou como professor de Literatura Brasileira e Portuguesa, para o ensino médio, trabalhou em teatro profissional até 1967 como ator, diretor, cenógrafo e com teatro de bonecos. Mas, desde 1962, já trabalhava também na área de jornalismo e publicidade, começando na revista "Última Hora" e depois na "Editora Abril", onde escreveu para diversas revistas e foi convidado a participar de uma coleção de livros infantis. Em 1972 começou a escrever histórias para crianças, publicadas em revistas e vendidas em bancas de jornal. Em 1983 publica seu primeiro livro "O Dinossauro Que Fazia Au-Au", voltado para as crianças, que fez um grande sucesso. Mas foi com "A Droga da Obediência", voltado para adolescentes, que ele considera seu público alvo, que se consagrou. Desde 1983, Pedro Bandeira dedicou-se inteiramente à literatura. Estudou psicologia e educação. Pedro Bandeira é o autor de Literatura Juvenil mais vendido no Brasil e, como especialista em técnicas especiais de leitura, profere conferências para professores em todo o Brasil.

Escrito por Cristiano Souza

Referencia:




sexta-feira, 27 de março de 2015

PALESTRA SHOW DO ESCRITOR EDIVAN SILVA EM JOSÉ DA PENHA/RN: Em Prol a Realização da 4º Feira Literária

Nesta quarta-feira (25 de março de 2015) na cidade de José da Penha - RN, ocorreu a Palestra Show do Escritor Edivan Silva no Auditório da Escola Municipal 04 de Outubro.

A palestra teve como tema “Como Cultiva a Motivação”, e a divulgação dos DVDs das palestras desse grande Escritor. Edivan apresentou as cinco Chaves da iniciativa; de forma descontraída falou dos pontos diferenciais de como promover uma educação de qualidade e de como se mande motivado com os desafios cotidiano da profissão. Sendo descrita na publicação do Blog Nossa José da Penha dessa seguinte forma: “A palestra desperta sensações, transformações e reflexões para serem debatidas, desenvolvidas e implementadas. Também é recheada de momentos de humor, reflexão introspectiva, dinâmicas, músicas e vídeos. ”

O dinheiro recardado com a palestra de Edivan Silva será em prol a realização da 4º Feira Literária que está programada para ser realizada no mês de Dezembro, deste mesmo ano, na Escola Municipal Manoel Raimundo em Água Nova – RN.  Para os leigos, a feira literária do projeto “O contágio pela leitura” é uma iniciativa dos voluntários do projeto, que em parceira com a Escola Municipal Manoel Raimundo vem proporcionando momentos enriquecedores de prática de leitura. A realização das feiras literárias tem como objetivo aproximar o público de escritores e obras literárias, no intuito de favorecer o desenvolvimento do gosto pela leitura.


Veja as imagens do evento:





























quarta-feira, 25 de março de 2015

EM PROL A REALIZAÇÃO DA 4º FEIRA LITERÁRIA: Palestra Show do Escritor Edivan Silva em Riacho de Santana/RN.

Nesta terça feira (24 de março de 2015) na cidade de Riacho de Santana, ocorreu a Palestra Show do Escritor Edivan Silva no pátio da Escola Municipal João Bernadino de Lima.

A palestra teve como tema “Como Cultiva a Motivação”, e o lançamento dos DVDs das palestras desse grande Escritor. Edivan apresentou as cinco Chaves da iniciativa; de forma descontraída falou dos pontos diferenciais de como promover uma educação de qualidade e de como se mande motivado com os desafios cotidiano da profissão.

O dinheiro recardado com a palestra de Edivan Silva será em prol a realização da 4º Feira Literária que está programada para ser realizada no mês de Dezembro, deste mesmo ano, na Escola Municipal Manoel Raimundo em Água Nova – RN.  Para os leigos, a feira literária do projeto “O contágio pela leitura” é uma iniciativa dos voluntários do projeto, que em parceira com a Escola Municipal Manoel Raimundo vem proporcionando momentos enriquecedores de prática de leitura. A realização das feiras literárias tem como objetivo aproximar o público de escritores e obras literárias, no intuito de favorecer o desenvolvimento do gosto pela leitura.

Nessa quarta-feira (25 de março de 2015) a palestra será em José da Penha – RN, na Escola Municipal 04 de Outubro ás 18hs.


Veja as imagens do evento: